10 dicas para se sair bem em uma entrevista de emprego em inglês

Foto: Matthew Henry
Foto: Matthew Henry
Ads

Por Redação

Vanessa Gumiero, pedagoga da GLED International Education separou dicas assertivas para enfrentar esse desafio 

Não adianta fugir: o inglês é o idioma das relações de negócios em todo o mundo e se  você deseja crescer na carreira e conquistar boas vagas precisa ser fluente. A chegada da pandemia criou um cenário de novas oportunidades e expandiu os horizontes de muitos profissionais, mas, ao mesmo tempo, passou a exigir candidatos cada vez mais  capacitados, inclusive no inglês. Por isso, a diretora pedagógica da GLED International  Education, Professora Vanessa Gumiero, separou 10 dicas que te ajudarão na hora de ser  entrevistado. Confira!

ADS
  1. Fale pausadamente 

Um erro muito comum que as pessoas cometem quando querem falar bem é tentar falar  muito rápido. É importante que o entrevistador compreenda bem o candidato e, para  tanto, falar pausadamente, escolher bem as palavras e prestar atenção à pronúncia são  atitudes fundamentais. 

2. Fale o suficiente para ser avaliado 

O quanto você fala é essencial em uma entrevista, principalmente se for em inglês. O  entrevistador precisa avaliar o seu domínio e o seu perfil. Então, evite responder apenas  yes ou no, complete a resposta e mostre suas aptidões e pontos positivos. Mas, atenção, cuidado ao estender muito o assunto e acabar falando coisas desnecessárias e até fora de contexto. 

3. Deixe o entrevistador propor os assuntos 

Mesmo que você esteja ali para ser conhecido e avaliado, lembre-se sempre que os  assuntos interessantes para o processo devem partir do entrevistador. Somente ele sabe os aspectos que são importantes para a empresa e para o cargo ao qual você está  concorrendo uma vaga. 

4. Evite respostas decoradas 

Muita gente se prepara para esse tipo de entrevista decorando as possíveis respostas.  Mas, atenção! Decorar sempre é perigoso, já que o nervosismo pode te causar “aquele  branco” e fazer você travar. Por isso, não decore e nem tenha uma colinha em mãos, caso a entrevista seja online. Entenda o assunto, reflita sobre o seu perfil e responda  naturalmente. Esse é o melhor caminho! 

  1. Atenção aos vícios de linguagem 

As gírias e vícios de linguagem muito populares não causam uma boa impressão com os entrevistadores. Afinal você está sendo escolhido para representar uma empresa e se a sua linguagem não for adequada, você não será escolhido! 

  1. Leia notícias em inglês

Uma das melhores maneiras de se preparar para conversar profissionalmente em inglês é ler notícias. Isso porque a linguagem que os jornais usam é um pouco mais formal do que a falada, mas, ainda assim, não chega a ser rebuscada e difícil. Já que a notícia precisa ser compreendida pela grande maioria do público, tanto os cultos como os mais populares. 

  1. Trabalhe seu vocabulário de negócios 

Cada área de atuação tem um vocabulário específico com expressões e termos únicos do setor. Conhecer o que cada uma delas significa é muito importante diante de uma  entrevista. Por isso, sempre tire um tempo para enriquecer seu vocabulário procurando por palavras novas, suas origens e significados. Palavras simples podem fazer grande diferença na hora da contratação! 

  1. Utilize tempos verbais adequados 

Assim como no português, os tempos verbais indicam se a ação está no passado, no  presente ou no futuro, se já aconteceu há muito tempo ou se acabou de acontecer. Trocar esses tempos pode ser um desastre na hora de conversar com o avaliador e te impedir de conquistar a vaga. Então, se você tem dúvidas, estude mais. 

  1. Saiba a definição correta do seu nível de conhecimento 

Um erro muito comum na hora de se candidatar para uma vaga é dizer que tem um nível  de conhecimento diferente do que realmente possui. Então, é sempre bom procurar uma escola e fazer um teste de nivelamento. Isso vai te mostrar o quanto precisa evoluir e como você pode definir seu domínio do inglês nas próximas seleções.

  1. Peça para o entrevistador repetir a pergunta 

Caso alguma pergunta não tenha sido bem compreendida, não é vergonha pedir que o  entrevistador a repita. Até mesmo no português, em algumas ocasiões, precisamos pedir para a pessoa repetir o que falou. Então, não fique constrangido, caso isso aconteça.

ADS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezoito − onze =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.