Guarulhos-Noticias/Gng Guarulhos-Noticias/Gng Gru Guarulhos Home GnG Gru Guarulhos Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa.

Turistas que se preparam para vir ao Brasil durante a Copa do Mundo, principalmente da América Latina, podem sofrer os impactos de uma paralisação na empresa Latam, que reúne a chilena Lan e a brasileira Tam. Mesmo os passageiros internos correm o risco de serem atingidos por uma eventual greve, pois o sistema aéreo é encadeado e o atraso em um voo acaba prejudicando o outro.  Noticia

Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa
Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

s Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

Sindicatos dos empregados do grupo Latam estão reunidos hoje (12) e amanhã (13), na sede da Federação Internacional dos Trabalhadores de Transporte (ITF), no Rio de Janeiro, debatendo os problemas da categoria e definindo o que será feito. O secretário de Aviação Civil da ITF, Gabriel Mocho, disse que a chance de haver paralisação da categoria, justamente na época da Copa, é real. Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

“Estamos tentando, nos últimos meses, um diálogo direto com a gerência regional da Latam, para evitar problemas, mas só encontramos negativas da companhia, que não quer dialogar com os sindicatos. Não é nosso desejo afetar os passageiros, ainda mais na Copa do Mundo. Mas o tempo está acabando. [Se não formos recebidos], isso certamente pode levar à paralisação”, advertiu Mocho. Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

A Latam possui cerca de 55 mil empregados e 700 aviões. Segundo os sindicalistas, a companhia já tem contratados para a Copa mil voos fretados, inclusive da Europa. Além do Brasil, onde está representada pela Tam, a companhia está presente na Argentina, no Chile, Peru, Equador, Paraguai e na Colômbia. Os serviços de manutenção das aeronaves estão concentrados no Peru, justamente onde a empresa encontra a maior resistência dos trabalhadores, pelo baixos salários pagos aos mecânicos. Por mês, os funcionários peruanos são responsáveis pela verificação e conserto de 70 aeronaves, 16 delas da Tam.

Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

Para o presidente da Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil (Fentac), Sérgio Dias, o maior problema é referente aos aeroviários, funcionários que trabalham em terra. “Os mesmos trabalhadores, em países diferentes [da companhia], recebem quase a metade do salário [em comparação aos outros colegas]. Quanto à Tam, a empresa ainda não fechou a convenção coletiva em relação aos aeroviários. E algumas empresas, ainda que terceirizadas, estão retirando direitos dos trabalhadores, com aumento da carga horária. Esses funcionários são responsáveis pela bagagens, pelos guichês de embarque e pelas rampas, o que pode ocasionar atrasos e até cancelamentos de voos”, disse Dias: “Existe uma inquietude de todos os aeroviários, não apenas dos ligados à Tam. É um movimento generalizado”.  Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

Procurada, a assessoria de imprensa da Tam divulgou nota de apenas uma linha, sem se posicionar detalhadamente sobre as reivindicações dos trabalhadores: “A Tam informa que não há ameaça oficial de greve neste momento”.  Noticias Aeroviários da Latam ameaçam paralisação às vésperas da Copa

Vladimir Platonow – Repórter da Agência Brasil Edição: Helena Martins