Irma, José e Katia progridem em simultâneo no Atlântico

Irma, José e Katia progridem em simultâneo no Atlântico

19:45:21

Irma, José e Katia progridem em simultâneo no Atlântico, Irma, José e Katia progridem em simultâneo no Atlântico, Guarulhos Gng

Informação revelada pelo Centro norte-americano de Furacões

Três furacões estão a progredir em simultâneo no Oceano Atlântico, depois das tempestades José e Katia passarem a esta categoria, juntando-se assim ao Irma, que se desenvolve na categoria máxima, de 5,

Nos seus boletins de informação mais recentes, às 22:00 de Lisboa, aquele Centro (NHC, na sigla em Inglês) indicou que os ventos do José atingem os 120 quilómetros horários (categoria 1 de uma escala de 5) e que progride a 26 quilómetros por hora na direção oeste-noroeste. Esta direção deve ser mantida durante as próximas 48 horas.

O NHC espera que o José, que está “a ganhar força rapidamente”, aproxima-se da categoria 3, correspondente à de “furacão importante”, com ventos entre 178 e 208 quilómetros por hora.

O José encontra-se a cerca de 1.700 quilómetros do arquipélago das Pequenas Antilhas, mas ainda não foi emitido qualquer alerta.

Do outro lado do Golfo do México, 300 quilómetros a nordeste da cidade mexicana de Veracruz, está o furacão Katia, com ventos de 120 quilómetros horários, que devem aumentar nas próximas 48 horas.

O presidente do México, Enrique Peña Nieto, lançou alertas via Twitter, pedindo à população que siga as recomendações das autoridades. Foi ativado o plano de emergência.

Este furacão está a deslocar-se lentamente, a seis quilómetros por hora, para o sudeste, e a sua trajetória deve manter-se nas próximas horas.

Segundo o NHC, o governo do México decretou uma “vigilância furacão” para uma parte do litoral no Estado de Veracruz, entre Tuxpan e Laguna Verde. Esta medida significa que os ventos do furacão devem chegar à zona em questão em 48 horas.