Febre amarela: OMS põe TODO o estado de SP como zona de risco

10:00:28

Organização Mundial da Saúde defende que todas as pessoas da região (ou que passam por ela) tomem a vacina. Entenda a situação

A Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou nesta terça-feira (16 de janeiro) todo o estado de São Paulo (SP) como área de risco para a febre amarela. Segundo a entidade, a decisão foi tomada a partir do crescimento do nível de atividade do vírus no território paulista desde o fim de 2017.

Segundo a OMS, toda pessoa sem contraindicação formal que pretenda viajar para qualquer ponto do estado, partindo de dentro do Brasil ou de outros países, tome a vacina contra a doença com dez dias de antecedência. Afinal, esse é o período necessário para ela ganhar uma boa dose de eficiência.

Dependendo de novos casos, outras regiões também podem ser inclusas nessa lista. Recentemente, Rio de Janeiro e Minas Gerais reportaram mais episódios. A Bahia é outro foco de atenção.

Desde dezembro de 2016, foram contabilizadas ocorrências de febre amarela em macacos em 21 estados brasileiros e no Distrito Federal, com 788 casos em seres humanos. Entre esses, 265 acabaram morrendo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.