“Católicos e evangélicos foram vendidos ao bolsonarismo”, diz pastor

“Católicos e evangélicos foram vendidos ao bolsonarismo”, diz pastor
“Católicos e evangélicos foram vendidos ao bolsonarismo”, diz pastor

12:21:33

O pastor também declarou que o protestantismo no Brasil atravessa uma crise ética por conta dos escândalos dos últimos anos.

 

As declarações do pastor Zé Barbosa Junior acabaram ofendendo boa parte dos cristãos evangélicos e católicos.

O religioso que escreve para a coluna opinião na Revista Forum sempre critica o governo federal e os líderes religiosos que apoiam o presidente Bolsonaro.

Na última coluna que o pastor escreveu para o site, ele disse que católicos e evangélicos foram vendidos ao bolsonarismo.

“Não dá mais para compactuar com o espírito neofascista de boa parte da igreja brasileira. Católicos e evangélicos vendidos ao bolsonarismo, ao ódio, ao preconceito e a tudo de ruim que hoje parece vicejar em terras brasileiras. É uma tristeza imensa, como pastor e cristão, perceber essas pessoas pervertendo a fé, amantes e maiores propagadores de mentiras deslavadas, abraçando uma cultura de morte e horror e, o pior e inimaginável, fazendo tudo isso “em nome de Deus”.”

Zé Barbosa também declarou que o protestantismo no Brasil atravessa uma crise ética por conta dos escândalos dos últimos anos.

O religioso ainda fez duras críticas a Malafaia, a família Valadão e ao bispo fundador da Igreja Universal Edir Macedo.

“Pastores que, em nome da “boa convivência” são omissos e se calam nesse momento têm suas mãos tão sujas de sangue quanto Malafaias, Macedos, Valadões, batistas e presbiterianos que fecham vergonhosamente com essa corja que está no poder.”

Zé Barbosa Junior é teólogo, pastor, escritor, e se denomina ecumênico e interreligioso. Ele também é pastor da Comunidade Cristã da Lapa e membro do Comitê Estadual de Defesa da Diversidade Religiosa de MG.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.