Com fracasso na capital, petistas de toda Grande SP querem ‘invadir’ Guarulhos

Com fracasso na capital, petistas de toda Grande SP querem ‘invadir’ Guarulhos
Com fracasso na capital, petistas de toda Grande SP querem ‘invadir’ Guarulhos

03:22:22

Após amargar o sexto lugar na disputa pela capital paulista, quando Jilmar Tatto conseguiu apenas 8,65% dos votos, o PT foca agora em Guarulhos. A cidade é tida como a mais importante para o partido em São Paulo.

Com fracasso na capital, petistas de toda Grande SP querem ‘invadir’ Guarulhos

Segundo a reportagem apurou, logo após o primeiro turno, os diretórios do PT na região metropolitana mobilizaram dirigentes e apoiadores para ajudar voluntariamente na campanha de Elói Pietá que disputa o segundo turno contra o prefeito Guti.

Com fracasso na capital, petistas de toda Grande SP querem ‘invadir’ Guarulhos
Com fracasso na capital, petistas de toda Grande SP querem ‘invadir’ Guarulhos

Nesta semana, o partido pediu mais esforço. “No estado de São Paulo, está a nós colocado um importante desafio que é elegermos os prefeitos nas cidades onde diretamente disputaremos o segundo turno: Diadema, Guarulhos e Mauá. Neste sentido, convocamos a militância das cidades e regiões vizinhas a reforçar a mobilização para que possamos ser vitoriosos”, diz um trecho do comunicado.

Além de Guarulhos, as atenções da militância agora passam também para Diadema e Mauá, municípios onde o partido ainda tem chances no segundo turno. Em Diadema, o embate é entre Filippi (PT) e Taka Yamauchi (PSD). Átila Jacomussi (PSB) e Marcelo Oliveira (PT) disputam a Prefeitura de Mauá.

Pietá foi prefeito de Guarulhos por dois mandatos, entre 2000 e 2008. À época, o presidente era Lula e tinha bons índices de aprovação da população. Por isso, a campanha aposta em repetir a associação e aumentar a participação de Lula nas propagandas eleitorais. O ex-presidente não participa de campanhas nas ruas por causa da pandemia, mas grava vídeos pedindo votos para alguns candidatos.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.