Convenção Batista inaugura carreta missionária para evangelizar o sertão

Ads

10:07:22

O veículo foi estampado com versículos bíblicos para pregar a Palavra por onde passar.

Por

Michael Caceres

No dia 20 de agosto, a Junta de Missões Nacionais (JMN) da Convenção Batista Brasileira inaugurou a Carreta do Sertão, que será usada para evangelizar o sertão do Brasil.

O diretor executivo da JMN, Pr. Fernando Brandão, consagrou o caminhão de missões ao Senhor no estacionamento da Primeira Igreja Batista do Brás (SP) em uma cerimônia. Parceiros de evangelização participaram virtualmente.Gospel Prime

A carreta é equipada para realizar atendimentos médicos e cultos evangelísticos, agora vai rodar na estrada rumo ao Sertão anunciando as boas novas da salvação. Além disso, o veículo foi envelopado com versículos bíblicos para alcançar as pessoas mesmo na estrada.

ADS

Esperança para o Sertão brasileiro

Salmo 23:1 aparece na frente do veículo:  “O Senhor é o meu Pastor e nada me faltará”. Na lateral está escrito “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16), e ainda na parte de trás está João 14:6, “Disse-lhe Jesus: Eus ou o caminho, e a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai, senão por mim”.

 

“Onde a carreta passar, todos hão de ver que Jesus Transforma! Ele é a única esperança para a nossa nação!”, disse o pastor Fabrício Freitas.

Esse projeto surgiu como um sonho no coração do casal coordenador da Mobilização Voluntária de Missões Nacionais, Misael e Silvana Martines, que são missionários e já evangelizaram diversas vezes no sertão brasileiro.

“O sonho foi lapidado, organizado, colocado em prática e, agora, vai percorrer o sertão do Brasil, levando a compaixão, a graça e mensagem de Cristo Jesus para moradores de vários estados do país”, afirmou a Junta de Missões Nacionais.

ADS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

13 + 16 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.