Em entrevista, Guti justifica fim da PROGUARU

Guti no Datena
Prefeito de Guarulhos concede entrevista à Rádio Bandeirantes
Ads

Em entrevista nesta sexta (05/11) pela manhã, o prefeito de Guarulhos, Gustavo Henric Costa, o Guti (PSD), além de exaltar feitos de sua gestão, como o congelamento do IPTU, justificou o fim da PROGUARU, a empresa municipal que cuida da zeladoria da cidade.

Conversando com José Luiz Datena, Guti disse que sofreu críticas da esquerda, mas que a empresa municipal custava mais de 100 milhões de reais aos cofres guarulhenses.

Questionado sobre, se o possível aumento da passagem do transporte público na capital pudesse refletir em Guarulhos, Guti afirmou que sim e disse que está, juntamente com a Frente Nacional de Prefeitos, para conseguir mais subsídios para evitar o aumento da passagem em Guarulhos.

ADS

Guti disse também que, na fase mais crítica da pandemia, Guarulhos tinha 38 óbitos por dia, hoje, possui “menos de 2″, e que 85% da população adulta está vacinada, no entanto, 158 mil pessoas ainda não tomaram a 2ª dose. “Ninguém morreu na fila por leitos“, afirmou o prefeito.

Sobre a liberação da máscara em ambiente externo, Guti negou tal possibilidade, algo que já é estudado pelo Estado e pela Capital a partir de dezembro.

Algo que Guti também ressaltou na entrevista, foi o estudo sobre a criação de ciclovias em Guarulhos.

De acordo com o prefeito, empresas como Amazon, Mercado Livre e Magazine Luiza estão a chegar na cidade, com a possibilidade de gerar empregos. “A única coisa que vai salvar a economia e as famílias, é o emprego“, disse Guti.

ADS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

6 − 3 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.