Facebook promove vacinas do Butantan e Fiocruz contra COVID-19

Facebook promove vacinas do Butantan e Fiocruz contra COVID-19
Facebook promove vacinas do Butantan e Fiocruz contra COVID-19

Rede Gazeta News Guarulhos

 

22:54:07

Para divulgar informações confiáveis, Facebook doará créditos de anúncios às fabricantes de vacinas usadas no Brasil

O Facebook anunciou nesta sexta-feira (9) um acordo com várias instituições para divulgar informações confiáveis sobre a vacinação contra a COVID-19. A iniciativa reúne entidades como o Instituto Butantan e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Segundo a rede social, o objetivo da parceria é amplificar campanhas educativas sobre as vacinas.

Em comunicado, a empresa afirmou que doará créditos de anúncios a serem veiculados no Facebook e no Instagram. O valor para o Brasil não foi revelado – em todo o mundo, serão US$ 120 milhões –, mas a parceria prevê apoio na criação de campanhas do Butantan e da Fiocruz, principais fabricantes das vacinas contra o coronavírus no Programa Nacional de Imunização (PNI).

A iniciativa também envolve o WhatsApp, que já conta com bots do Ministério da Saúde e do Butantan, este voltado para moradores de Serrana (SP). O mensageiro trabalha para expandir e criar mais bots. A ideia, segundo a empresa, é levar aos usuários informações confiáveis sobre segurança e eficácia das vacinas.

A parceria prevê ainda sessões de treinamento para os parceiros otimizarem o alcance de suas campanhas. Além disso, o Facebook vai arcar com custos em agências de marketing para as organizações que precisam de apoio para impulsionar seus conteúdos.

Além do Butantan e da Fiocruz, o acordo reúne ONGs, especialistas em saúde e ações da sociedade civil que têm divulgado informações sobre a vacinação contra a COVID-19. Entre eles, estão a Sociedade Brasileira de Imunizações, o site do médico Drauzio Varella e a rede Todos Pelas Vacinas.

Facebook tem parcerias em todo o mundo

Ao apresentar o acordo, o Facebook lembrou que mantém parcerias com instituições em todo o mundo. Nos Estados Unidos, por exemplo, a empresa lançou uma ferramenta que informa aos usuários onde e quando se vacinar contra a COVID-19. A ferramenta deverá ser levada para outros países em breve.

O Facebook e o Instagram também passaram a exibir avisos em posts sobre vacinas. Os serviços têm removido posts classificados como fake news. Além disso, perfis que violam a política de desinformação ou que publicam algo classificado como falso por agências de checagem de fatos são punidos com a redução no alcance de seus posts.

Facebook promove vacinas do Butantan e Fiocruz contra COVID-19 | Internet | Tecnoblog

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.