Facebook relança transferências de dinheiro do WhatsApp no Brasil

Ads

18:06:45

Facebook’s (FB. O) O) O serviço de mensagens WhatsApp relançou na terça-feira seus serviços de transferência de dinheiro entre pessoas físicas no Brasil, depois de ter sido bloqueado pelo banco central há quase um ano, disse o presidente-executivo Mark Zuckerberg em um vídeo de terça-feira.

reuters

O Brasil é o segundo país onde o serviço de mensagens lançou transferências de dinheiro. Na Índia, o maior mercado do WhatsApp, com 400 milhões de usuários, obteve aprovação para iniciar os serviços financeiros em novembro.

Usando números de cartões de débito ou pré-pagos, os 120 milhões de usuários do WhatsApp no Brasil podem enviar uns aos outros até 5.000 reais por mês através do serviço de mensagens gratuitamente. Inicialmente, o sistema não permitirá que cada transação ultrapasse 1.000 reais ou mais de 20 transferências por dia.

O lançamento do novo recurso será gradualmente, disse o diretor de operações Matthew Idema em entrevista. A partir de hoje, um número limitado e não revelado de usuários receberá uma ferramenta de pagamento em seu aplicativo. Com isso, eles poderão convidar novos usuários.

ADS

Em junho, o WhatsApp havia lançado seus serviços de pagamentos no Brasil, mas o Banco Central suspendeu-o alguns dias depois alegando que poderia prejudicar o sistema de pagamentos existente no país em termos de concorrência, eficiência e privacidade de dados.

Além de revisar a rede de pagamentos proposta, a autoridade monetária também solicitou que a gigante da tecnologia fosse rotulada como empresa de serviços financeiros no Brasil, levando o Facebook a criar uma nova unidade chamada Facebook Pagamentos do Brasil, que hoje é regulamentada pelo Banco Central.

Mas o Banco Central ainda não tem pagamentos greenlit com comerciantes, que deverá ser um serviço pago, adicionando uma nova linha de receita para o WhatsApp. No ano passado, os pagamentos com cartão no Brasil totalizaram 2 trilhões de reais (US$ 368,12 bilhões), um aumento de 8,2% em relação a 2019.

O Idema disse que as negociações com o banco central ainda estão em andamento e o Facebook espera que o lançamento dos pagamentos aos comerciantes ocorra este ano, recusando-se a comentar se será um serviço pago.

“Para o WhatsApp, o lançamento de pagamentos é interessante porque aumenta o uso do aplicativo”, disse o COO.

O WhatsApp iniciou seu serviço de pagamento em parceria com as redes de cartões Visa Inc e Mastercard e a processadora de pagamentos Cielo SA. Funcionará com cartões emitidos pelo Banco do Brasil SA (BBAS3.SA),Banco Inter, Banco Bradesco SA (BBDC4.SA),Itau Unibanco Holding SA (ITUB4.SA), fintech Nubank, MercadoLibre’s (MELI). O) Mercado Pago e Sicredi.

($1 = 5,4330 reais)

ADS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.