Se eleições fossem hoje, Bolsonaro venceria PT, Huck e Mandetta

Se eleições fossem hoje, Bolsonaro venceria PT, Huck e Mandetta
BRASILIA, BRAZIL - FEBRUARY 16: President of Brazil Jair Bolsonaro (and Minister of Justice and Public Security Sergio Moro greet attendants prior to the Brazilian Supercopa final between Flamengo and Athletico PR at Mane Garrincha Stadium on February 16, 2020 in Brasilia, Brazil. (Photo by Buda Mendes/Getty Images)
Presidente Jair Bolsonaro empataria com Sergio Moro no segundo turno das eleições de 2022 (Photo by Buda Mendes/Getty Images)
Se eleições fossem hoje, Bolsonaro venceria PT, Huck e Mandetta

20:35:34

O presidente Jair Bolsonaro venceria seus prováveis oponentes e empataria com o ex-ministro Sérgio Moro na disputa pela Presidência da República, mostra nova pesquisa XP Ipespe.

Segundo o levantamento, se a eleição fosse hoje, Bolsonaro teria 43% dos votos contra o ex-presidente Lula ou Fernando Haddad, ambos do PT, que pontuariam 35%.

O presidente também venceria contra Luciano Huck, por 42% a 28%, e contra Luiz Henrique Mandetta (DEM), por 42% a 30%.

A disputa mais acirrada seria contra Sergio Moro. De acordo com a pesquisa, os dois aparecem empatados dentro da margem de erro: Bolsonaro com 35% e Moro com 36%.

Se o primeiro turno fosse hoje, segundo a sondagem. 31% dos eleitores votariam em Bolsonaro, 14% em Haddad, 11% em Moro, 10% em Ciro Gomes (PDT) e 5% em Luciano Huck. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) e Luiz Henrique Mandetta aparecem com 3%.

Foram entrevistadas mil pessoas entre 8 e 11 de outubro. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.