Início Destaque Todos nós sabemos o que é e quem é a Comgás.

Todos nós sabemos o que é e quem é a Comgás.

Todos nós sabemos o que é e quem é a Comgás.

Todos nós sabemos o que é e quem é a Comgás

por/ Guilherme Conde 00:00:01

Todos nós sabemos o que é e quem é a Comgás.

A Companhia de Gás de São Paulo, que está prestes a completar um centenário e meio – fora fundada em 1872 – hoje está na casa de muitos paulistas.

Inclusive, na casa de muitos cidadãos guarulhenses. Hoje, na Câmara Municipal, teve a Comissão Especial de Inquérito (CEI) cujo alvo é a…?

Um fósforo de presente para quem acertar.

Ano passado, se você andava por aí, ou até pela internet, você via ações da Comgás ironizando quem usa o gás de cozinha (GLP). Esse ano, quem ironiza, são os acionistas e diretores da companhia, que aumentam continuamente o valor das contas de gás em Guarulhos.

De acordo com Vera Lúcia Gomes, coordenadora do PROCON, que estava na CEI na Câmara, afirmou que o número de reclamações, que não chegavam em 30 em anos anteriores, em 2019, chegou em 115 reclamações junto ao órgão de defesa do consumidor.

E o lado deles?

Paulo Lancioni, diretor de Relações Institucionais da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (ARSESP) afirmou que a definição das tarifas é feita pela agência, e que leva-se em conta vários fatores, como “preços dos combustíveis, investimentos e lucros da empresa”.

Sim, pagou a (cara) conta, o bolso dos acionistas da Comgás fica contente, obviamente.

“Em relação ao gás, são praticadas as menores tarifas do País, porque o gás vem da Bolívia e do Litoral Paulista”.

Leia-se “menores tarifas do país”. Certo.

Antônio Henrique Gross, que é Superintendente de de Relações Institucionais da Comgás lembrou-nos: “é verdade que temos lucro, somos uma empresa (jura?), mas (…) em Guarulhos investimos R$ 10 bilhões em infraestrutura e vamos gastar mais R$ 5 bilhões nos próximos anos (…), sempre buscando um atendimento melhor à população”.

Vamos lá, o faturamento da Comgás, em 2018, foi de 8,6 bilhões. Para que essa conta da projeção feita possa ser fechada, obrigatoriamente, terá que sair da conta de alguém.

Não acredito que a companhia não vá levar em conta o pedido do Vereador Romildo Santos (DEM), presidente da Comissão, no qual solicitou à Comgás, a suspensão de ações contra usuários inadimplentes e que as tarifas fossem revistas devido a situação econômica do país.

É como se o coelhinho da páscoa (que vem aí) pudesse distribuir passe livre no transporte público na região metropolitana de São Paulo.

Qual é a chance disso acontecer?

Vamos acompanhar.

Que possamos ter “um gás de esperança

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile