Tranquilidade ou Aumento da Prevenção?

Coronavírus
Europa e Ásia já estão na 4ª onda. Vamos ter no Brasil?
Ads

Ainda não nos livramos totalmente da pandemia do novo coronavírus. Embora a variante Delta não surtiu muito efeito com o aumento da vacinação, é de se refletir se vale mesmo a pena a liberação do comércio, de voltar a ter mais tráfego aéreo internacional e até mesmo, do retorno de grandes eventos, como é o caso do Réveillon e do nosso tradicional Carnaval.

Assim como 2020 e no início desse ano, a Europa e a Ásia já estão na chamada “4ª onda”, ou seja, o número elevado de internações e óbitos começam primeiro nestes continentes, e depois aqui. Em países como Alemanha e Rússia, a taxa de vacinação da população está, em média, próxima a nossa – 66% e 32%, respectivamente, enquanto o Brasil está com 57%.

Estamos muito próximos, é verdade, de não termos mais óbitos diários por COVID-19. Mas, não nos esqueçamos, tudo o que acontece no exterior primeiro, acontece aqui depois. Mesmo com a vacinação em ritmo acelerado.

ADS

Também não nos esqueçamos, que só aqui em Guarulhos, de acordo com o próprio prefeito Guti, mais de 100 mil pessoas não tomaram a 2ª dose. E ainda temos um presidente da república que espalha notícias falsas sobre a vacina.

Vamos raciocinar rapidamente: com esse número de internações e óbitos em alta, os europeus e asiáticos podem “buscar refúgio” onde?

O Reveillon da Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, atrai milhões de pessoas, brasileiros ou não. O Carnaval de São Paulo também atrai milhões de pessoas, brasileiros ou não.

Sem contar o comércio popular, que na cidade de São Paulo, é visto com bons olhos também pelos outros países. Vizinhos ou não.

Agora, é com você.

Podemos ficar tranquilos ou aumentamos a nossa prevenção como era no período pré-vacina?

ADS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

vinte + 10 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.